Autômato desenvolvido por universidade americana é capaz de "suar"

Autômato desenvolvido por universidade americana é capaz de "suar"

Robôs estão cada vez mais próximos de emular capacidades humanas nos mais variados aspectos. Mas talvez um dos usos mais inusitados desta “imitação” tenha sido feito recentemente pela Universidade americana de Cornell: um autômato capaz de suar. As informações são da Revista Superinteressante (https://bit.ly/3aezUlD).

Se você acha que a transpiração robótica não tem serventia, está redondamente enganado. A ideia é que o recurso exerça uma das funções que o suor tem em nossos corpos: controlar a temperatura. Nos testes feitos, os pesquisadores criaram uma espécie de músculo robótico capaz de transpirar. Ele estaria conectado a uma garra mecânica e teria o potencial de manusear objetos. Este “suor” serviria justamente para evitar o superaquecimento dos componentes eletrônicos da máquina. É ou não é inusitado?

Para ver como este processo funciona, a Universidade liberou um vídeo do projeto (em inglês) que pode ser conferido logo abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=i8-UG9mKOX0